Vereador Betinho entrega emendas da LDO

LUANE MORAIS


Na condição de presidente da Comissão de Finanças e Orçamento, o vereador Betinho (Republicanos) entregou na sessão ordinária de terça-feira (01) a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) à mesa diretora da Câmara Municipal de Campo Grande. Foram entregues 19 emendas, que serão lidas em plenário para que o projeto seja pautado para discussão e votação. Se aprovado, segue para sanção ou veto do prefeito Marquinhos Trad. “Das 80 emendas, 21 estavam aptas, e 19 acabaram incorporadas no texto do projeto e foram entregues ao presidente, que estará nos próximos dias definindo uma data oportuna para votação”, disse o parlamentar.

O projeto de lei 10.017/21, que estabelece as diretrizes para elaboração da Lei Orçamentária do Município de Campo Grande para o exercício financeiro para o próximo ano, de autoria do Executivo, recebeu 80 emendas dos vereadores. Destas, 21 estavam aptas e, como algumas eram similares, 19 foram incorporadas no texto, que projeta R$ 4.669.218.551,82 para ano que vem, um crescimento de 0,37% quando comparado ao estimado para o orçamento deste ano, de R$ 4.651.921.451,00. A LDO é usada para estabelecer metas da administração pública e como base para elaborar o orçamento, que é definido por meio da Lei Orçamentária Anual (LOA). O projeto precisa ser votado, em primeira e segunda discussão, contendo as emendas dos vereadores, ainda no primeiro semestre deste ano. Todas as sugestões precisam estar em consonância com o Plano Plurianual (PPA). Depois da aprovação, a proposta com as emendas seguem para sanção ou veto do prefeito.