04/05/2017 

Presídios estaduais recebem R$ 52 mi para reforçar a segurança

Portal Brasil

Além da modernização, 292 veículos furgões-cela foram entregues em todos os estados Arquivo/MJ

 O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) investiu mais de R$ 52 milhões em presídios estaduais do País.

O repasse contribui para a modernização das unidades e integra as ações do Plano Nacional de Segurança Pública.

O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) entregou 292 veículos furgões-cela em todos os estados. São Paulo foi o estado que recebeu o maior número de veículos: 30, seguido por Minas Gerais, com 23, e Santa Catarina, com 21 furgões-cela. O investimento para as penitenciárias desses estados superou R$ 13,2 milhões.

Segundo o diretor de políticas penitenciárias do Depen, Jefferson de Almeida, "a política de doação de veículos aumenta a autonomia dos sistemas prisionais estaduais, promove maior segurança no transporte e locomoção de presos".

As novas viaturas estão de acordo com as mais recentes normas do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP).

Elas possuem capacidade para transportar 8 presos, além da equipe de escolta. Os veículos são climatizados e possuem tecnologias de monitoramento por câmera e comunicador interno.

A entrega dos furgões aos estados foi finalizada na última semana de abril. No final de dezembro, o Depen repassou recursos da ordem de R$ 1,2 bilhão aos estados para construções de novas unidades penitenciárias, reformas e aquisições de equipamentos de modernização.






0 Comentários

REGRAS:
Os comentários feitos no Site são moderados. Seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Também não serão aceitos codinomes. O seu e-mail não será divulgado.

Comentários que não tenham relação clara com o conteúdo reportado, ou que tenham teor difamatório, calunioso, injurioso, de incitação à violência, que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas, com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica, que tenham característica de prática de spam, racista ou a qualquer ilegalidade, também serão vetados.

O Site não se responsabiliza pelos comentários dos leitores-internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às imposições acima.