12/08/2019 

Evasão escolar é tema de projeto em Taquarussu

Zé Roberto

Na última sexta-feira, 09 de Agosto de 2019, o Conselho Tutelar de Taquarussu realizou o encerramento do Projeto “Evasão escolar e os deveres dos pais e responsáveis preconizados pelo ECA”, em  reunião com os pais do Centro de Educação Infantil Esmeralda carvalho Cunha. O projeto teve por objetivoinformar aos pais e responsáveis que crianças e adolescentes tem direitos, mas devem, como todos os seres, submeter-se às regras de convívio familiar e social. Cabendo aos pais e responsáveis o dever de sustento, guarda e educação dos filhos menores, conforme Art. 22 do ECA.

O referido projeto aconteceu durante os meses de Junho e Agosto. Foram momentos de extrema importância para todos os envolvidos,uma vez que,  em cada encontro,  foram trabalhados pelos palestrantes, Investigadora de polícia civil, Aritana Osti de Oliveira  e a promotora de justiça, Bianka Machado Arruda Mendes,  temas voltados para a conscientização e prevenção da Evasão escolar e questões relevantes para o conhecimento de cada um, promovendo reflexões sobre o tema abordado no projeto.O conselho tutelar agradece a parceria das várias entidades do serviço público, Conselho Municipal dos direitos da criança e adolescente, Prefeitura Municipal de Taquarussu, Secretaria de Assistência Social, Equipe CRAS, Delegacia de polícia civil, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, Raio de Sol, Promotoria da Comarca de Batayporã, Centro de Educação Infantil, Esmeralda Carvalho Cunha, Rádio Flor do vale e aos participantes, os pais e responsáveis, e integrantes das redes, Municipal e Estadual de ensino.

 

Consideramos, portanto, que o projeto foi concluído com sucesso, o que nos assegura que, é de suma importância,a continuidade desses encontros para a disseminação do conhecimento e informações sobreviolação de direitos sobre a infância e a adolescência. 






0 Comentários

REGRAS:
Os comentários feitos no Site são moderados. Seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Também não serão aceitos codinomes. O seu e-mail não será divulgado.

Comentários que não tenham relação clara com o conteúdo reportado, ou que tenham teor difamatório, calunioso, injurioso, de incitação à violência, que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas, com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica, que tenham característica de prática de spam, racista ou a qualquer ilegalidade, também serão vetados.

O Site não se responsabiliza pelos comentários dos leitores-internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às imposições acima.