18/01/2019 

Vereador protocolou pedido de abertura de CPI para apurar denuncias de 2016 em Deodápolis

Vereador protocolou pedido de abertura de CPI para apurar denuncias de 2016 em Deodápolis

ELITON SANTOS / IMPACTO NEWS

Vereador Márcio Teles protocolou nesta manhã de quarta, dia 16 de janeiro no Legislativo o pedido da abertura de uma CPI (Comissão de Inquérito Parlamentar) para apurar denuncias de interferências na votação para a eleição da mesa diretora relacionadas ao biênio 2017/2018 no qual o mesmo foi eleito como presidente daquela casa de leis. No pedido endereçado ao novo Presidente da Câmara, Márcio Teles destaca a necessidade de evidenciar tais esclarecimentos para toda a sociedade. 

O Vereador ainda cita no documento a publicação de uma matéria postada no dia 03 de janeiro em um portal de notícias, onde o mesmo foi citado como parte de um ‘esquema’ para influenciar na votação da mesa. Márcio se defendeu das acusações e afirmou que esclarecerá todas as informações publicadas.

“A verdade prevalecerá. A matéria, publicada com o intuito de apenas me prejudicar, não mostrou por exemplo que o Ministério Publico já havia solicitado o arquivamento desta denuncia após a mesma ser investigada aqui em Deodápolis. Ocorre que o Conselho do MPE pediu maiores esclarecimentos e a mesma não foi arquivada. Tenho a consciência tranquila e sei que não pratiquei os atos citados no site Deodápolis News, sendo assim sou o primeiro a pedir a abertura desta CPI para esclarecer tais fatos!” disse o Vereador Márcio Teles ao portal de noticias IMPACTONEWS.






0 Comentários

REGRAS:
Os comentários feitos no Site são moderados. Seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Também não serão aceitos codinomes. O seu e-mail não será divulgado.

Comentários que não tenham relação clara com o conteúdo reportado, ou que tenham teor difamatório, calunioso, injurioso, de incitação à violência, que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas, com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica, que tenham característica de prática de spam, racista ou a qualquer ilegalidade, também serão vetados.

O Site não se responsabiliza pelos comentários dos leitores-internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às imposições acima.