14/11/2018 

Filho do ex-goleiro do Cruzeiro, Elisson, morre em acidente doméstico

Valinor Conteúdo

Elisson, que está no Nacional-SP, pertencia ao Cruzeiro até a temporada passada (Foto: Arquivo Pessoal)

Uma tragédia atingiu o mundo do futebol. O filho do ex-goleiro do Cruzeiro, Elisson, atualmente no Nacional-SP, Lucca, de seis anos, morreu nesta terça-feira após um acidente doméstico. Um armário caiu em cima do menino enquanto ele jogava futebol com um primo na casa de parentes. Lucca não resistiu aos ferimentos acabou morrendo.

 

O acidente aconteceu no último fim de semana e ele foi internado em um hospital de Betim, região metropolitana de BH, com traumatismo craniano, mas não resistiu aos ferimentos e acabou tendo a morte cerebral confirmada nesta madrugada de segunda para terça-feira.



Na brincadeira, a bola que Lucca brincava bateu no armário, que se deslocou e caiu em cima da criança. 



O filho do ex-goleiro celeste será enterrado em Piedade do Paraopeba, distrito da cidade de Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte.



Ex-colegas de Cruzeiro chegaram a fazer uma oração na segunda-feira, na Toca da Raposa, em intenção do menino, de Elisson e da mãe da criança, Gisele.






0 Comentários

REGRAS:
Os comentários feitos no Site são moderados. Seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Também não serão aceitos codinomes. O seu e-mail não será divulgado.

Comentários que não tenham relação clara com o conteúdo reportado, ou que tenham teor difamatório, calunioso, injurioso, de incitação à violência, que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas, com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica, que tenham característica de prática de spam, racista ou a qualquer ilegalidade, também serão vetados.

O Site não se responsabiliza pelos comentários dos leitores-internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às imposições acima.