11/05/2018 

Vereador acusado de compra de votos é absolvido pelo TRE

Placar da votação ficou em 5 a 1

Acácio Gomes, Redação Nova News

imagem: arquivo

Vereador Sandro Felix (MDB), de Taquarussu, foi absolvido nesta quinta-feira (10) no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE/MS) do processo que o havia condenado em primeira instância por suposta compra de votos nas últimas eleições municipais.

 

Conforme apurado pelo Nova News, o placar da votação ficou em 5 a 1 a favor da absolvição do vereador. Quatro juízes acompanharam o relator desembargador João Maria Los, que foi favorável a absolvição do acusado.

 

Em decisão anterior, a juíza substituta da 5ª Zona Eleitoral, Ellen Priscile Xandu Kaster Franco, havia se manifestado pela cassação do vereador. Naquela oportunidade Sandro Félix foi julgado como culpado na acusação de abuso de poder econômico, ou seja, compra de votos.

 

Sobre o caso

Durante a campanha eleitoral, foi realizada em Taquarussu, a operação Entrada Livre”, que identificou a prática de crime de compra de votos por parte do então candidato a vereador, Sandro Félix. Após receber uma denúncia, o Ministério Público iniciou acompanhamento do candidato e requereu a expedição de mandados de busca e apreensão em sua residência, estabelecimento comercial e local de trabalho.

 

Durante o cumprimento dos mandados, no dia 1º de outubro, foram apreendidos, entre outros itens, inúmeras listas de eleitores, dezenas de convites de um show sertanejo e R$ 1.900,00 (mil e novecentos reais) em espécie, em notas de R$ 50 e R$ 100, que provavelmente seriam utilizados para compra de votos. 






0 Comentários

REGRAS:
Os comentários feitos no Site são moderados. Seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Também não serão aceitos codinomes. O seu e-mail não será divulgado.

Comentários que não tenham relação clara com o conteúdo reportado, ou que tenham teor difamatório, calunioso, injurioso, de incitação à violência, que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas, com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica, que tenham característica de prática de spam, racista ou a qualquer ilegalidade, também serão vetados.

O Site não se responsabiliza pelos comentários dos leitores-internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às imposições acima.