05/02/2018 

“Milionário da Mega-Sena” é morto a tiros no Ceará

Empresário ganhou prêmio em 2011, e foi assassinado durante uma festa no interior

R7

Miguel Ferreira de Oliveira, o "milionário da Mega-Sena" assassinado no Ceará (Facebook/Reprodução)

Miguel Ferreira de Oliveira, de 50 anos, conhecido como o milionário da Mega-Sena no Ceará, foi morto na madrugada de domingo (4), no bar Ponto da Pizza, no bairro Alto Alegre, em Campos Sales, a 596 quilômetros de Fortaleza.

 

Oliveira, que era natural de São Paulo, faturou, em 2011, o prêmio de R$ 39 milhões na Mega-Sena. Após ganhar o prêmio, ele se mudou para Campos Sales, onde comprou imóveis e vivia dos aluguéis.

 

De acordo com a polícia, ele respondia em liberdade, desde dezembro de 2016, a um processo por desacato a policiais do BPRaio e por embriaguez ao volante.

 

Ele participava de uma seresta quando foi atingido por três tiros disparados por um homem. Segundo testemunhas ouvidas pela polícia, o autor dos disparos chegou e saiu caminhando. Para fugir, entrou em um terreno baldio, próximo a um posto de gasolina. A vítima morreu na mesa do bar.

 

Um inquérito foi aberto na Delegacia de Campos Sales. A motivação e a autoria do crime ainda são desconhecidas.






0 Comentários

REGRAS:
Os comentários feitos no Site são moderados. Seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Também não serão aceitos codinomes. O seu e-mail não será divulgado.

Comentários que não tenham relação clara com o conteúdo reportado, ou que tenham teor difamatório, calunioso, injurioso, de incitação à violência, que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas, com linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica, que tenham característica de prática de spam, racista ou a qualquer ilegalidade, também serão vetados.

O Site não se responsabiliza pelos comentários dos leitores-internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às imposições acima.